• Letra Espírita

14 de Fevereiro - O Dia da Amizade



“Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração...” Assim já dizia Milton Nascimento de maneira muito sábia. Te um amigo é ter um tesouro, não resta dúvidas.

Comemora-se hoje o dia da amizade, e ao ler essa palavra, com certeza pessoas específicas nos surgem à mente, fazendo brotar um sorriso nos lábios e um calor dentro do coração. Quem tem amigos encontrou, sem dúvidas, uma grande felicidade para caminhar pela vida.

Algumas pessoas têm muitos, outras têm poucos, outras podem chamar de amigo apenas uma única pessoa. Não importa! O que importa realmente são os laços que se criam, o sentimento que nos envolve, os nós invisíveis que se formam unindo pessoas que não são do mesmo sangue. Aliás, acerca dessa questão em especial, nos explica "O Evangelho Segundo o Espiritismo", Capítulo IV, item 13:

“Os Espíritos que se encarnam numa mesma família, sobretudo como parentes próximos, são os mais frequentemente Espíritos simpáticos, ligados por relações anteriores, que se traduzem pela afeição durante a vida terrena. Mas pode ainda acontecer que esses Espíritos sejam completamente estranhos uns para os outros, separados por antipatias igualmente anteriores, que se traduzem também por seu antagonismo na Terra, a fim de lhes servir de prova. Os verdadeiros laços de família não são, portanto, os da consanguinidade, mas os da simpatia e da comunhão de pensamentos, que unem os Espíritos, antes, durante e após a encarnação. Donde se segue que dois seres nascidos de pais diferentes podem ser mais irmãos pelo Espírito, do que se o fossem pelo sangue. Podem, pois, atrair-se, procurar-se, tornarem-se amigos, enquanto dois irmãos consanguíneos podem repelir-se, como vemos todos os dias. Problema moral, que só o Espiritismo podia resolver, pela pluralidade das existências”.

Sendo assim, fica claro que os Espíritos que são afins se encontram sempre, e desse encontro, nascem as amizades que levamos por uma vida toda. Tenho amigos desde a mais tenra idade, e tenho outros que a vida me trouxe mais tarde, pela magia dos encontros. O que importa é tê-los. Não nascemos e fomos criados para sermos sozinhos. O ser humano é um ser social, o que é mencionado no "Livro dos Espíritos", em nota de Kardec à questão 768:

“Pela união social, eles se completam uns pelos outros para assegurar seu bem-estar e progredir. Por isso, tendo necessidade uns dos outros, são feitos para viver em sociedade e não isolados”.

Para comemorarmos esse dia, Joanna de Ângelis, pelo médium Divaldo Pereira Franco, no livro Jesus e vida, nos deixa a seguinte mensagem:


“O ser humano é essencialmente sociável, encontrando, nos relacionamentos proporcionados pela amizade, estímulos para crescer moral e espiritualmente.

Sem dúvida, a amizade é portadora do calor necessário para fazer germinar os sentimentos que se encontram adormecidos no imo do ser, ao tempo em que se irradia com energias benéficas em favor daquele com o qual se relaciona.

A amizade independe dos interesses mesquinhos, do dar para receber, porquanto, o ato de estima sintetiza os dois fenômenos pelo produzir de satisfações confortadoras.

[...] A amizade é tão valiosa, que o som de uma voz amiga e conhecida produz o sorriso de alegria em quem o escuta.

A lembrança de um ato propiciado por um amigo gera satisfação e a perspectiva de um novo encontra desenvolve expectativa agradável.

Quando não se frui dessas satisfações, dificilmente encontra-se felicidade durante a existência terrena, sofrendo-se isolamento e angústia.

Estatísticas valiosas asseveram que as pessoas solitárias têm a probabilidade de desencanar em muito menos tempo do que aquelas que experienciam convivências e relacionamentos afetivos.

[...] A amizade prolonga a existência física e embeleza as emoções.

[...] Amigos são bênçãos que devem ser cultivadas com carinho, respeito e consideração”.

*Rafaela Paes é colunista voluntária do Blog Letra Espírita. Leia outros artigos de sua autoria clicando aqui.

#Amizade #RafaelaPaes

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita