• Letra Espírita

"A Menina Índigo", filme para rir, refletir e se emocionar...

Atualizado: 8 de Jul de 2019



Victor Hugo Freitas

Você já ouviu falar do termo índigo? Eu vou explicar. Há alguns anos, a parapsicologia estuda o surgimento de crianças consideradas especiais. Mas especiais em que? O que as difere das demais crianças? Para os cientistas que pesquisam o comportamento destas crianças, os índigos seriam um novo tipo de humano, vindos da geração Y, nascidos entre 1980 e o início dos anos 90. Estes seres teriam habilidades capazes de implementar uma nova era no nosso querido planeta Terra. Os índigos viriam então com a missão de transformar a sociedade deixando marcas na edução, conceitos familiares e espirituais.

De onde vem o termo índigo? Do latim ïndicus¨; Substância corante, que serve para tingir de azul, e que se extrai do indigueiro, que é uma planta leguminosa. Refere-se a cor da aura das crianças índigos que seria azul.

Como identificar uma criança índigo? Este é um assunto deliciado porque pode conflitar com o comportamento, temperamento, edução ou até alguma disfunção. Mas os índigos seriam crianças evoluídas moralmente e com profundos conhecimentos sociais. Enfim, crianças modelo que destacam-se facilmente de outras crianças. Os índigos não conformam-se facilmente com absurdos que estamos acostumados a conviver, encontram soluções mais eficazes e realizam tarefas com agilidade e criatividade acima da média.

Como o Espiritismo vê essas crianças? Divaldo Pereira Franco em uma entrevista a uma emissora de TV em 2007 explicou que são “missionários que farão parte desta grande corrente para o momento de transição que nosso planeta passará de mundo de provas e expiações para o mundo da regeneração.” Divaldo continuou explicando que a desde os anos 80, começou uma “reencarnação em massa destes seres que mudaria a forma de encararmos a vida.”

No novo filme de Wagner de Assis (diretor de “Nosso Lar”), Sofia é uma menina de 7 anos que provoca choque em suas relações. A menina com inteligência acima da média da idade e dons artísticos, faz com que os pais reflitam suas vidas. Os questionamentos, e a postura surpreendente faz com que o pai cético e ateu, pense sobre a vida e questione-se sobre Deus. A menina ganha fama ao tratar de dores e enfermidades de colegas e parentes. Um filme com ar leve e pitadas de humor, conta sobre como podemos levar a vida e de que a cura espiritual é um forte aliado de nós, que hoje estamos aqui encarnados.

A Menina Índigo é uma criança que mexe com você durante todo o filme e faz você rir, refletir e se emocionar...

#Filmes

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita