• Letra Espírita

Conheça a Equipe um Som, grupo de música espírita



Você já ouviu falar em música espírita? Certamente muitos de vocês consideram que as músicas espíritas se resumem apenas em hinos como Bezerra de Menezes, Quanta Luz, etc... mas em verdade a música espírita vai muito além dos hinos! Existem diversos cantores, cantoras e bandas espíritas que realizam o trabalho de divulgação doutrinária por meio das músicas, em diferentes estilos.

Trazemos hoje para vocês uma entrevista com a Equipe um Som, um grupo de música espírita composto por jovens do Estado do Espírito Santo.

Neste ano de 2018 a Equipe está sendo composta por Anne Xavier, Daniel Silva, Larissa Senna, Matheus Lisboa, Paulinho, Samsara Esteves, Sophia Roldi, Beatriz de Paula, Brenda de Paula, Bruno Paiva e Caio Luis. A coordenação da Equipe fica por conta das jovens Anne e Sophia.

Leia abaixo a entrevista que realizamos e conheça mais sobre este projeto!

Qual foi a principal motivação para trabalharem com a arte espírita, em especial, com a música?

A Equipe Um Som já mudou diversas vezes sua formação, pois as pessoas vem e vão, mas o trabalho permanece. Acho que podemos dizer que todos que já fizeram ou fazem parte da equipe começaram pela afinidade com a música e com o espiritismo. É a vontade de trabalhar pela doutrina espírita unida à nossa paixão pela música. À medida que vamos nos envolvendo no trabalho vamos compreendendo cada vez mais a importância da música na evangelização, na harmonização, em tocar corações, e isso nos motiva ainda mais a continuar.

Como são realizadas as escolhas dos membros? Qualquer um pode fazer parte da Equipe ou há alguma restrição?

Desde o início, a Equipe de Música DIJ/FEEES (Departamento de Infância e Juventude da Federação Espírita do Estado do Espírito Santo), hoje Equipe Um Som, já passou por diversas mudanças e fases, e a forma de selecionar novos membros acompanhou todas elas. O trabalho é aberto a toda pessoa que queira participar, basta que esteja de acordo com as demandas e necessidades de trabalho do grupo, seja um jovem envolvido em atividades de sua casa espírita e esteja disposto a atender às oportunidades de trabalho com boa vontade e dedicação, pois não podemos esquecer que somos uma equipe de trabalho da FEEES e estamos sempre prontos para atender às tarefas. Geralmente temos uma data no início do ano para recepcionar novos membros, e isso é sempre divulgado em nossas redes sociais. Quem quiser, é só chegar. Quanto mais almas desejando trabalhar através da música espírita, melhor! É sempre um momento muito feliz para nós!

Como são realizadas as composições? São ideias escritas dos próprios membros do grupo ou inspirações dos amigos espirituais?

A Um Som toca músicas não só de autoria própria, mas também de outros compositores parceiros no trabalho, do Espírito Santo e também de outros estados, com o objetivo de divulgar cada vez mais a música espírita. Nossas composições com certeza sempre têm muita inspiração dos amigos espirituais, por vezes muito mais do que imaginamos. E une-se a isso o compositor que, com uma ideia que muitas vezes surge inesperadamente, vai trabalhando para que aquela inspiração chegue a sua forma final e finalmente se transcreva em música. O que todas tem em comum é o conteúdo doutrinário, sempre de acordo com as obras básicas.

Percebemos que vocês possuem um estilo moderno e jovem, com músicas animadas e agitadas, saindo um pouco do tradicional que são músicas calmas e hinos. Vocês notam que há boa aceitação? Por que optam por trazer ao público esta variedade?


A Equipe Um Som nasceu para trabalhar pelo Departamento da Infância e Juventude, e desde sempre foi uma equipe feita por jovens e para os jovens. Por isso não teria como ser diferente. Essa é nossa identidade, e essa energia que circula entre nós e os jovens que nos ouvem é que faz esse trabalho tão lindo e prazeroso. Aqui no ES, a grande maioria dos jovens inicia no trabalho espírita através da arte, seja música, dança, teatro, poesia ou qualquer outra forma, e acabam se tornando trabalhadores de outras áreas dentro da casa espírita, como evangelização e outros. E acreditamos que o jovem espírita capixaba esteja tão presente na arte justamente por esse traço sempre presente do novo. É uma sensação indescritível quando vemos tantos jovens deixando suas emoções fluírem, todos juntos criando uma energia tão forte, que toca a todos, desde os jovens de 8 até os de 80 anos.

Compartilhamos ao vivo em nossa página no Facebook uma apresentação realizada no 38º Encontro de Mocidades Espíritas do Estado do Espírito Santo e o vídeo conta com mais de 15 mil visualizações. Nos comentários, muitas pessoas não faziam ideia de que pudesse existir um grupo musical espírita e elogiaram bastante o trabalho. Vocês notam que há uma carência em relação a divulgação da arte espírita?

A arte espírita é um dos veículos principais do trabalho da evangelização. A maioria dos jovens está na casa espírita pela presença da música, dança, teatro e etc.

Notamos uma carência não só na parte de divulgação da arte espírita como no apoio para o desenvolvimento dessas atividades. Ressaltamos que parte das instituições prestam auxílio aos artistas, mas este número é mínimo. Esta carência é justificada pela visão que algumas pessoas possuem em relação à arte propriamente dita - não enxergam a arte como instrumento de evangelização - dentro da doutrina.

Quais são as ideias que possuem para uma maior valorização do artista e da arte espírita, tanto dentro, quanto fora do Movimento?

Dentro do movimento espírita, pelo menos aqui no ES, as pessoas valorizam mais a dança, a música e o teatro, mas esquecem dos outros tipos de arte que podem se manifestar, como pintura, poesia, gravação de vídeos, etc.

Acreditamos que seja importante a promoção de eventos como seminários e estudos para esclarecer o objetivo, metodologia e meios de atuação da arte na doutrina.

Enxergamos que há um preconceito das pessoas pelo desconhecimento das intenções da arte.

Quais são os atuais e futuros projetos da Equipe Um Som?

Em 2017 fomos convidados, juntamente com outros 4 artistas espíritas - Grupo Amadeu, Grupo DOM, Equipe de Música da Casa Espírita Cristã e André Pirola - para fazer parte de um trabalho fantástico chamado Projeto Matrizes Espíritas, criado para produzir, divulgar e distribuir arte musical espírita de qualidade. O projeto foi idealizado por Marcos Bentes e Armando Sinkovitz e se concretizou em junho/2018, quando os álbuns foram finalizados e divulgados nas plataformas digitais Spotify, Deezer e iTunes; e gravados em CD, já disponíveis para aquisição. Nosso álbum Um Som da Alma já está disponível, como também os dos outros 4 artistas espíritas, totalizando 5 álbuns de música espírita de qualidade que merecem ser divulgados, pois todos os trabalhos ficaram lindíssimos. E esse foi só o primeiro passo do Projeto Matrizes Espíritas, que continuará produzindo música espírita de qualidade.

Além do Projeto Matrizes Espíritas, foi também lançado nas mesmas plataformas digitais, citadas, o Projeto PRODUBEM, projeto musical voluntário, independente e sem fins lucrativos criado para produzir músicas e assim divulgar a mensagem do bem, cujo lançamento do Volume 01 também ocorreu em junho, com canções que levam a mensagem do amor, entre elas várias canções do meio espírita do Espírito Santo. Novos lançamentos do PRODUBEM estão previstos para os próximos meses. Membros da Equipe Um Som participaram de algumas faixas do Volume 01.

A Equipe Um Som é antes de tudo uma equipe de trabalho da FEEES e nosso maior trabalho é continuar atendendo às demandas que chegam da Federação e das casas espíritas. Nosso principal evento é o EMEES (Encontro de Mocidades Espíritas do Espírito Santo), que acontece anualmente durante os 4 dias do feriadão de carnaval. A equipe é a responsável pela parte musical do evento.

Pretendemos continuar trabalhando em novas composições e gravações, sempre divulgando a doutrina espírita e evangelizando com muito amor.

=====

Muito bacana, né? Se você gostou desta entrevista e também de conhecer mais sobre a arte espírita por meio do trabalho realizado pela Equipe um Som, divulgue este material para seus amigos e familiares, busque conhecer o trabalho que eles realizam na seara espírita e dê uma forcinha! O IG deles no Instagram é @equipeumsom e lá vocês podem ir acompanhando as novidades.

=====

Ah, aproveitando a oportunidade, visite nosso site www.letraespirita.com.br e conheça mais sobre o Clube do Livro Letra Espírita. A seleção de livros deste mês está incrível!


#Entrevista

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita