• Letra Espírita

Família: Um laço afetivo de amor, resgate e caridade.



Segundo o Dicionário Houaiss, família é o núcleo social de pessoas unidas por laços afetivos, que geralmente compartilham o mesmo espaço e mantêm entre si uma relação solidária. Mas quem estuda a doutrina sabe que o conceito é muito mais amplo. Família geralmente é um grupo de espíritos ligados por alguns desajustes ou até necessidades de aprimoramento e evolução. Podemos dizer que a família é um laboratório de experiências reparadoras. A família é o seu primeiro núcleo social e espiritual. Por isso, é muito importante estar com a família, viver os melhores momentos da vida com ela, valorizar mesmo a família que você tem.

No entanto, sabemos também que o convívio familiar nem sempre é benéfico porque a proximidade é tão grande que ninguém consegue usar máscaras. Na sociedade é comum as pessoas usarem máscaras e estas são até úteis, afinal no estágio evolutivo que nos encontramos não temos condição de demonstrar o que sentimos sem ferir e magoar pessoas. Por isso, temos conflitos familiares, a verdade sempre vem à tona. Nos lares familiares, as pessoas chegam em casa, tiram as roupas e as máscaras. Ai, fica só a espontaneidade. Outra coisa que costuma acontecer no convívio familiar é a intimidade que estreita mais ainda as relações e às vezes, deixam estremecidos esses relacionamentos.

No capítulo VII – Parentesco e filiação de O Livro dos Espíritos, a questão 204 questiona: Desde que tivemos muitas existências, o parentesco remonta às anteriores? Os espíritos foram claros na resposta para Allan Kardec… Não poderia ser de outra maneira. A sucessão das existências corpóreas estabelece entre os Espíritos liames que remontam às existências anteriores; disso decorrem frequentemente as causas de simpatia entre vós e alguns Espíritos que vos parecem estranhos.

A família é escolhida muito antes de nascermos e os laços de família são fortes e muitas vezes carregados de existência em existência.

Em Evangelho Segundo o Espiritismo, no capítulo 14 que aborda o Parentesco Corporal e Espiritual, em nota conseguimos entender como funciona todo o processo familiar no plano espiritual: Os laços de sangue não estabelecem necessariamente os laços espirituais. O corpo procede do corpo, mas o Espírito não procede do Espírito, porque este existia antes da formação do corpo. O pai não gera o Espírito do filho: fornece-lhe apenas o envoltório corporal. Mas deve ajudar seu desenvolvimento intelectual e moral, para o fazer progredir.

E temos também as famílias que criamos ao longo da vida através de afinidades. Há muitos amigos que são verdadeiros irmãos. E não podemos esquecer da pluralidade familiar do mundo contemporâneo. Atualmente, há novas famílias sendo criadas com muito amor e respeito. Muitos casais homossexuais que adotam crianças e criam verdadeiros laços familiares.

=====

Saiba mais sobre o Espiritismo em www.letraespirita.com.br e associe-se ao Clube do Livro.


#Família

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita