• Letra Espírita

Qual a Visão Espírita dos Amigos Imaginários?


Você certamente já ouviu falar do filme “O Amigo Oculto”, o longa estrelado por Robert de Niro, conta a história do viúvo, David Callaway, e de sua filha Emily de 9 anos, que dizia ter um amigo imaginário chamada Charlie, com quem brincava de esconde-esconde.


Ou então, já ouviu que seu filho, seu vizinho tem amigos imaginários. Diante disso pergunta-se: Qual a visão espírita dos amigos imaginários?


A doutrina espírita nos ensina que a infância diz respeito a uma época de construção, aprendizado e descobertas. De acordo com André Marouço, no programa Boletim, da TV Mundo Maior:


“Na primeira infância, especialmente, nós estamos mais próximos da vida espiritual que nós deixamos a pouco tempo, do que da completude da reencarnação na vida física”.


Visão Espírita dos Amigos Imaginários


É comum as crianças falarem sobre amigos imaginários? Seria espíritos ou imaginação?


Ainda de acordo com o comunicador não dá para dizer sempre que são espíritos ou criação. Entretanto, não dá para não dar alguma atenção para a questão.


O apresentador comentou também sobre a mediunidade aflorada. Confira:


“Ainda na infância como estamos mais conectados com a vida espiritual, é natural que tenhamos a nossa mediunidade um pouco mais aflorada, visões, audiências. Porém, como foi dito antes, não dá para dizer que isso é sempre a interferência, de que há ali amigos espirituais”.


André completou:


“Os espíritos estão por toda parte. Quando nós estamos mais afinizados com a vida espiritual, ou seja, na primeira infância ou quando nós somos médiuns. Nós temos essa percepção”.


Caso esses “amigos imaginários” sejam espíritos. Eles podem influenciar como a criança age?


André ressaltou que eles podem ser amigos imaginários ou inimigos imaginários. Então, sim! Eles podem influenciar.


A doutrina espírita nos ensina que os espíritos influenciam os nossos pensamentos. Allan Kardec, em O Livro dos Espíritos, pergunta:


“Os espíritos podem influenciar as nossas vidas?


Resp: vias de regras são eles que vos dirigem”


“Ou seja, nós temos uma grande antena psíquica de emissão e recepção de energia. Então, nós estamos o tempo inteiro criando pensamentos (energia), como estamos na medida do nosso padrão vibratório recebendo pensamentos, energias psíquicas, de padrões equivalente aos nossos”, André Marouço.

Portanto, como os espíritos podem sim influenciar. Os pais e dos educadores devem agir com naturalidade quando a criança contar algum episódio com amigo imaginário. Porém, caso seja muito intenso, repetitivo, é preciso dar a atenção devida.

“Está atenção não deve se resumir apenas a espiritualidade. Se percebemos que isto está indo para um nível que pode gerar problemas, é preciso procurar um auxílio médico”, André Marouço

Para finalizar, como um trabalhador da casa espírita deve proceder caso os pais relatam que o filho tem um amigo imaginário?

“O trabalho pode aplicar a terapêutica do passo. E neste casos, a formação espírita é também bastante importante, já que explica esses fenômenos com naturalidade”.


=====

Conheça o Clube do Livro Letra Espírita em www.letraespirita.com.br e associe-se para receber em sua casa o melhor da literatura espírita.


*O livro "OS MISTÉRIOS DO UNIVERSO" faz parte da seleção de Julho/19. Veja seleção completa do mês atual no site.


Fonte: RBN

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita