• Letra Espírita

SOLIDÃO


Fernanda Oliveira

Solidão é quando a pessoa se acha ou se sente só, se isola, se desconecta das outras pessoas, tem dificuldade de se relacionar, medo de ser julgada, insatisfação com a maneira que leva a vida e se sente descontente. A pessoa se sente desamparada e tem a noção de que nenhuma outra pessoa pode compreender o que ela está sentindo e passando.


Não existe mudança nos efeitos se não mexermos nas causas. A insatisfação pessoal não pode ser tratada com analgésicos. Ela precisa ser curada na fonte, é preciso mexer nos fundamentos. É preciso repensar o jeito de sentir e de se posicionar na vida, buscar a reforma íntima para modificar o comportamento. A autoanálise permite investigar os aspectos pessoais que levam a pessoa se isolar e fechar em si.


O ser humano é uma criatura social, o instinto gregário aproxima os seres. As pessoas necessitam do convívio para se relacionarem e evoluírem. A cooperação social é importante para nosso crescimento e aprimoramento moral, intelectual e espiritual. A gente não pode viver sem convivência, fazer parte da vida em sociedade é aprendizado constante.

Somos responsáveis pelas nossas escolhas, e apesar das dificuldades precisamos nos relacionar, ocupar a vida social, temos muitas oportunidades de sermos úteis e conviver socialmente. As pessoas se atraem por afinidades e semelhanças e se agrupam por afinidades.


Somos nós os únicos obstáculos a serem vencidos na busca por nossa realização. Nossa real liberdade está dentro de nós na exata medida em que sabemos nos libertar de sentimentos de revolta, inferioridade, de ódio e de vingança. É preciso deixar de ser vítima e passar ser o protagonista.


É necessário esse trabalho de transformação pessoal, edificado nos ensinamentos de Jesus para sair desse estado de tristeza e isolamento e passar a conviver com as pessoas para trocarmos experiências e conhecimentos.


A vida é essa jornada de conviver para viver e evoluir. As diferenças são fontes de aprendizado, conviver ensina a gente observar nosso comportamento e encontrar nos outros o que precisamos modificar em nós.


Devemos procurar uma atividade como uma obra social, um grupo religioso para ajudar e partilhar nossas energias. É fundamental auxiliar os outros. Sair de si para o encontro com o próximo, ampliando nossas ações no benefício coletivo e não na satisfação pessoal.


É nossa escolha buscar a luz ou a sombra, resistir ou entregar os pontos, permanecer passivo ou experimentar o novo e o desconhecido, com a possibilidade de encontrar novos e iluminados caminhos.


Cada pessoa possui condições de modificar os rumos da própria existência. A vida é preciosa demais, a oportunidade que recebemos de reencarnar é sagrada e deve ser aproveitada de todos as maneiras possíveis.


O reconhecimento do próprio potencial e o amor por si e pelo próximo podem conferir forças para sair do isolamento e transformar a própria vida. Aceitar a nossa maneira de enxergar a vida e procurar se relacionar para termos a possibilidade de aprendermos outras maneiras de enxergar o mundo.


A solidão se cura com amor próprio. O amor é a ponte que une todos a essência da vida. A força de vontade precisa ser fortalecida diariamente. Precisamos sair de nós mesmos e de nossas necessidades pessoais e nos colocarmos a disposição da coletividade. A vida está estruturada no princípio da solidariedade.

Viver é conviver, o ser evolui diariamente e o seu progresso se dá com o outro e em sociedade.


Vamos caminhando aceitando a realidade e fazendo do autoconhecimento o mais eficiente método de transformação pessoal, buscando conviver para evoluir e viver com muitas energias positivas.


Referências Bibliográficas :

1- Causa e origens dos nossos males- Juliano P. Fagundes- Editora EME- Clube do Livro Letra Espírita

2- Suicídio a falência da razão- Luiz Gonzaga Pinheiro- Editora EME- Clube do Livro Letra Espírita

3- A vida na visão do espiritismo- Alexandre Caldini Neto- Editora Sextante

4- Os exilados de Capela- Edgard Armond - Editora LAKE

5- Pedagogia espírita – Herculano Pires- Editora Paidéia

6- Dentro de Mim- José Carlos de Lucca- Editora InterVidas.

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita