Tópicos

Personalidades Espíritas: Léon Denis



Com grande honra, iniciaremos a seguir um breve estudo sobre a vida e obras de Léon Denis, personalidade tão admirada, que faz brotar em tantas pessoas, a vontade de documentar todos os seus feitos, propiciando desta forma, vasto material de pesquisa sobre sua vida em livros e até mesmo, na Internet, como este artigo.

Trataremos de maneira carinhosa, esta jornada tão importante para a nossa evolução, se apropriando da oportunidade da pesquisa, para convida-los à leitura de todas as suas obras.

Filho do casal Joseph Denis, pedreiro e de Anne Lucie Liouville, camponesa, Léon Denis nasceu em 01 de janeiro de 1846, Foug, na França.

De família humilde, Denis cursou apenas o primário e já muito jovem, foi ajudar seus pais na Casa Pillet, comércio de couros. Era astuto, rapidamente foi promovido e entre um intervalo e outro em suas tarefas, os preenchia com muito estudo, o que, para ele, era prazeroso.

Ainda na juventude, com 18 anos, teve uma experiência literal, que foi um divisor de águas, ao ter seu primeiro contato com a obra de Allan Kardec, em O Livro dos Espíritos, onde encontrou respostas para suas dúvidas e respeito ao que lhe causava certa indiferença, respostas antes não encontradas em nenhuma outra obra de que tivesse conhecimento. Missionário inato esmiuçou toda a obra, de modo que suas duvidas posteriores passaram a serem esclarecidas e trouxe a ele um olhar diferenciado sobre o Mundo em que vivemos e o nosso papel em sua transformação. “_A teoria espírita dissipou minha indiferença e minhas dúvidas”, disse ele.

Passou então, a frequentar reuniões Espíritas, onde adquiriu grande aprendizado moral, científico e espiritual. Serviu ao Exército Francês em 1875 na Guerra contra a Alemanha e passado este período, retornou aos estudos com o grupo que ajudou a fundar.

Foi neste período de foco na Doutrina, que naturalmente, se revelaria a ele a mediunidade de psicografia e depois, a mediunidade de visão, somadas as mediunidades de intuição e inspiração.

Leon, paralelamente aos estudos Espíritas, se tornou, por conta de sua bagagem literária, um pensador além do seu tempo, um Filósofo que unia a razão à emoção no que se permite a Doutrina e grande pesquisador de outras Filosofias e crenças que se ramificavam baseando-se na espiritualidade e se correlacionava, ao que fazia sentido nas obras codificadoras, gerando respeito e admiração nas diversas formas espirituais de ensinamento e trabalho.

Tratava com grande respeito todas as crenças espiritualistas, incentivando-as a buscar em suas experiências, os princípios básicos nos quais se pauta o Espiritismo: a fé raciocinada.

Prestou valioso papel, colhendo provas concretas de que o Materialismo não possui base promissora edificante para a evolução dos povos e por afinidade de convicções e senso desbravador, teve ninguém mais ninguém menos que Joana D’ Arck como sua companheira espiritual, inspirando nele, a coragem para levar a todos as boas novas para um mundo que transita nos limites das provas e expiações para a regeneração. Dizia ele, sempre muito otimista: “Homem! Meu irmão! Vamos para o mais alto! Mais alto!”.

Denis sabia da capacidade da juventude, por entender que cada ser, ainda que em fase juvenil, carrega em seu espírito, valiosas experiências pretéritas que sempre nos serão de grande serventia, e apostava cegamente em seus poderes transformadores. Acreditava que serão os jovens, os seres que já trazem experiências de erros e acertos e retornam para aprimorar sua existência e dos que os cercam, os grandes construtores das elevações da consciência. Falava da importância de levar nas primeiras fases da vida individual, valores firmados nas básicas obras do codificador e PRINCIPALMENTE a noção de que a vida não é linear (nascimento, amadurecimento e morte), mas sim circular, uma sucessão de fases, provas e resultados, sempre baseados nas ações. Tinha muita convicção de que o emprego desses conceitos nas escolas e empresas trariam grandes saltos no desenvolvimento da humanidade, evitariam inclusive, grandes conflitos e até Guerras.

Sua conexão mediúnica aliada a muito estudo resultou em inúmeras conferências às diferentes classes sociais e grupos específicos como os da Maçonaria, do qual foi membro, artigos esclarecedores sobre a doutrina, aconselhamento filosófico através de seus pensamentos e reflexões em conjunto com o plano espiritual. Denis considerava-se um Druída reencarnado, ja que muitas vezes, ajudava as pessoas com seus conselhos e filosofias sobre experiências materiais e imateriais. Se Jesus nos ensinou através das parábolas, Denis trouxe-nos o ensinamento através de pensamentos, filosofia, arte e poesia e como um médico, dosava seu elixir de acordo com a capacidade de despertar de cada pessoa sem fazer distinção de nenhum ser.

Também pôde lhe ser confiado a função de desmistificar pessoas que em sua ignorância moral, caiam nas redes deploráveis do charlatanismo. O que causava certo desconforto nos que tinham seus conhecimentos encobertos pelo véu da ignorância e fascínio inconsciente.

Em 1916, passou a colaborar com a Revista Espírita, com a elaboração de artigos e pesquisas que dariam continuidade ao legado de Kardec, trazendo informações mais detalhadas sobre o que, de forma objetiva e sucinta, o Codificador nos esclareceu. Introduziu informações que pouco a pouco a espiritualidade nos confiou receber para contribuir em nossas missões. Conquistou vários títulos e honrarias, incluindo o título de Apóstolo do Espiritismo e até de Sucessor de Allan Kardec.

Aqui estão os nomes de suas principais obras e breve resumo dos temas abordados, para que você, nosso leitor, possa possuir como material de estudo sempre o melhor meio de instrução.

  • Cristianismo e Espiritismo (FEB)

Trata-se de uma análise histórica e literária da Doutrina cristã, relacionando-a à Doutrina Espírita, codificada por Allan Kardec. Nesta obra ele também contesta algumas interpretações Bíblicas.

  • Depois da Morte (FEB)

Solução científica e racional dos problemas da vida e da morte. Natureza e destino do ser humano. As vidas sucessivas.

  • Espíritos e Médiuns (CELD)

Resumo dos estudos que Léon Denis fez sobre a mediunidade, sendo o seu uso indicado principalmente para os iniciantes da Doutrina que queiram dedicar-se ao momentoso assunto.

  • Joana D'Arc, Médium (FEB)

A vida e a missão de Joana d’Arc, a grande heroína francesa do século XV.

Os fatos mediúnicos que a cercaram na visão Espírita, como suas visões, premonições, audição de vozes analisadas como fenômenos mediúnicos que a ignorância e a mentira tentaram desvirtuar.

  • No Invisível (FEB)

Temas reflexivos sobre a superação do temor da morte, Léon Denis discorre sabiamente sobre as razões do constante intercâmbio entre o mundo material e o mundo espiritual. Dividida em três partes, a obra expõe e esclarece questões relacionadas com o Espiritismo experimental e as suas leis, a importância e as falhas do exercício da mediunidade e os fatos espíritas. No invisível é um inestimável material de estudo das experiências mediúnicas.

  • O Além e a Sobrevivência do Ser (FEB)

O que acontece com aqueles que nos deixam por meio da morte? Embasado por investigações e experiências de cientistas renomados, como William Crookes, Cesare Lombroso e Oliver Lodge, entre outros, Léon Denis busca comprovar a continuação da existência do espírito após deixar a convivência humana na Terra. São relatados casos de comunicação dos espíritos comprovados por procedimentos científicos e experimentais, com o objetivo de formar uma ideia precisa da sobrevivência do ser ? crença básica da Doutrina Espírita ? e assegurar a necessidade do trabalho e da responsabilidade que o homem carrega dentro de si.

  • O Espiritismo e o Clero Católico (CELD)

Classificado como uma das brochuras de defesa, este era um dos meios pelo qual Léon Denis respondia aos ataques contra o Espiritismo. Escrito em 1921, quando o autor já alquebrado de forças, porém com enorme vigor intelectual e sempre pronta a responder a quem atacasse o Espiritismo. Opondo argumentos em sua maior parte oriundos das experiências psíquicas com ilustres padres da Igreja, Denis respondeu em defesa do Espiritismo usando até mesmo as expressões intelectuais católicas. Ao final, ele faz uma análise da reencarnação, e termina este estudo mostrando o aspecto consolador da Doutrina Espírita.

  • O Espiritismo na Arte (Lachâtre)

Nesta obra ele retrata o que ocorre na espiritualidade, no que se refere à arte, e como a beleza se manifesta através do artista encarnado na Terra. A obra foi elaborada com base em uma série de escritos por Léon Denis em 1922, para a Revue Spirite (revista espírita francesa, fundada por Allan Kardec), na qual se tratava da questão do bela nas diversas formas de arte (arquitetura, pinturamúsica, literatura, etecetera).

  • O Gênio Céltico e o Mundo Invisível (CELD)

De grande valor histórico e cultural foi finalizada as vésperas do desencarne do Mestre Léon Denis. Uma verdadeira viagem ao mundo dos celtas, pois aborda a origem, países célticos, guerras, povos, entre outros aspectos, ressaltando também as semelhanças doutrinárias existentes entre o Espiritismo e Celtismo, incluindo o Druidismo.

  • O Grande Enigma (FEB)

O porquê da existência do homem e a lei do destino são os temas centrais de 'O grande enigma', que revela um Deus de justiça, mas também de amor infinito.

  • O Mundo Invisível e a Guerra (CELD)

Através de médiuns da época León Denis conseguiu acompanhar durante mais de três anos a influência dos espíritos nos acontecimentos terrenos, e também os reflexos dos horrores da guerra terrena no mundo espiritual. "A educação do povo precisa ser totalmente modificada, para que todos possam ter a noção dos deveres sociais, o sentimento das responsabilidades individuais e coletivas e, principalmente, o conhecimento do objetivo real da vida, que é o progresso, o aperfeiçoamento da alma, o aumento de suas riquezas íntimas e ocultas". Léon Denis

  • O Porquê da Vida (FEB)

Constitui em segura orientação às inúmeras criaturas vencidas na luta pela vida. Por meio de explicações lógicas, Léon Denis mostra as razões primordiais da existência do ser humano. Focalizando princípios que demonstram o que somos, de onde viemos e para onde vamos após a desencarnação, o autor desenvolve temática do maior interesse, com assuntos variados, fixando a atenção do leitor no rumo dos mais altos objetivos da alma humana. Esta obra contém ainda transcrição de correspondência do filósofo João Gaspar Laváter à imperatriz Maria Féodorawna, da Rússia, onde ele lhe descreve o estado da alma depois da morte.

  • O Problema do Ser, do Destino e da Dor (FEB)

Responde às célebres questões: quem sou, de onde vim, para onde vou, às quais a Humanidade sempre buscou respostas. A contribuição desse autor é uma profunda abordagem a dois temas recorrentes da Literatura e da Filosofia: o amor e a dor. A primeira parte, intitulada 'O problema do ser', mostra o que a Doutrina Espírita tem a dizer sobre a morte, a evolução e finalidade da alma, as missões, e a vida superior. Na segunda parte, 'O problema do destino', o autor defende a idéia espírita de que a doutrina das vidas sucessivas faz parte das Leis de Deus e argumenta analisando casos de hereditariedade e crianças-prodígio, apresentando evidências históricas que comprovam a idéia reencarnacionista. Em sua terceira parte, 'As potências da alma', Léon Denis trata da questão da vontade e das realizações psíquicas, a consciência, o livre-arbítrio e o pensamento.

  • O Progresso (CELD)

"O Progresso", um dos discursos proferidos por Léon Denis. Um texto no qual o Mestre Denis analisa, com grandeza d'alma, o progresso político, o social, o religioso e o progresso na imortalidade.

  • Provas Experimentais da Sobrevivência

Comprova a sobrevivência após a morte. Léon Denis relata casos comprovados de comunicação dos Espíritos, obedecendo aos cânones científicos do método experimental.

  • Socialismo e Espiritismo (O Clarim)

Seu pensamento sobre as importantes causas sociais e também sobre o Socialismo, doutrina que encontrou na França um grande trabalhador na figura de Jean Jaurés.

Fonte: Wikipédia e FEB.

Denis passou por muitos momentos difíceis, os quais superavam um por um, com sua alegria e docilidade impressas até no seu tom de voz. Mas, implacável como sempre, o tempo se encarregou de lhe quitar a clareza da visão física. Já praticamente cego, aprendeu Braile e finalizou com a ajuda de secretários sua ultima obra: “O Gênio Céltico e o Mundo Invisível” que teve a sua publicação realizada quando Denis já não estava mais nem nosso plano, pois em 12 de abril de 1927, Tours (França), com 81 anos, acometido por uma forte pneumonia, nosso grande pensador, retornou ao Plano Espiritual.

Suas obras são até hoje, consideradas atuais e mesmo tantos anos depois de realizadas, podemos apreciar os quão atuais são. Como todo grande estudioso, não cessou nem mesmo pós-morte seus esclarecimentos. Trabalha além-túmulo para o progresso Mundial. E possibilita a todos que abrigam dentro de si a boa vontade e atitude, a capacidade se serem os sucessores dos novos complementos que Deus aos poucos, vai descortinando a medida do nosso merecimento.

Que seja, assim como o Espírito, imortal a nossa gratidão à Léon Denis.

-----------------------------------------------

Nota:

O Clube do Livro Letra Espírita em julho de 2018, selecionou a obra de Léon Denis Um Olhar Sobre o Tempo Presente para os assinantes do estilo Doutrinário, e em agosto o livro será distribuido para assinantes do estilo Diversos. Saiba mais em: www.letraespirita.com.br

Uma obra que aborda questionamentos como o materialismo, o egoísmo e hedonismo, imediatismo e ceticismo, relativismo e indiferença moral, tem afastado os homens da compreensão libertadora que envolve as leis divinas, conscientizando-nos do papel de cada um de nós na mais vasta e profunda reforma já empreendida pela humanidade.

São valiosas orientações que ajudam a construir o sublime futuro que nos está reservado.

Alguns temas abordados: juventude, crise, fé, esperança, transição planetária, entre outros.


#LéonDenis #PersonalidadesEspíritas

Postagens Recentes
Postagens Populares
Siga-nos
  • Logo para Site
  • Facebook Long Shadow
  • Twitter Long Shadow
  • Instagram Social Icon
Procure por  palavras chaves

Contatos:

22  2724-0945

blog@letraespirita.com.br

© 2018 por Equipe Letra Espíírita